Toda Terapia Demora Muito?
2 de março de 2015
A Terapia Cognitivo Comportamental é o tratamento indicado para mim?
15 de setembro de 2015
Exibir tudo

Reprogramação mental para que?

Quer um motivo para pensar sobre reprogramação mental?  “Você é o que você pensa!”

Todos os dias, sem que você se dê conta, você realiza tarefas automaticamente. Sabe por que? Porque todas as suas experiências geraram aprendizados que estão gravados em sua mente como uma programação.

Por exemplo, ao se levantar e escovar os dentes, você não precisa pensar nos detalhes de como realizar esta tarefa e também não precisa ser lembrado de que precisa faze-la. Você , ao se levantar e muitas vezes quase que dormindo, simplesmente escova os dentes!  O que aconteceu?  Suas experiências, ainda quando criança, geraram o aprendizado “como escovar os dentes” e que se tornou um hábito, uma tarefa automática lindamente programada.

Como essa programação foi criada?

Em termos mais científicos, esta tarefa que foi realizada repetidamente criou uma “conexão neural”. Nosso cérebro possui milhões de neurônios mas esta tarefa “gravou” um caminho neural específico através de sinapses (conexões) para como “escovar os dentes”. Assim, você não precisa pensar mais nisso, e a sua mente realiza a tarefa automaticamente de acordo com o padrão estabelecido e programado naquele caminho..

Então, ao longo da nossa vida, nossas experiências e nossos hábitos constroem diversas redes neurais e com elas se estruturam nossas crenças. Ou seja, nossa mente está programada para agir e reagir automaticamente (seguindo estes padrões ou estados mentais) diante de diversas situações.

Estaria tudo OK se esses “padrões”  ou essas “programações” somente nos fizessem bem

Infelizmente, muitas vezes estamos habituados e “programados” para agir ou reagir de forma a nos trazer algum incômodo. Ou ainda, nossa mente pode estar presa a padrões que não nos servem mais ou que limitam nosso alcance e nos impedem de realizar nossos sonhos.

Para a nossa sorte, a neurociência comprovou a plasticidade do cérebro e hoje sabemos que os neurônios estão sempre criando novas conexões.

Portanto, podemos criar novos padrões e fazer uma reprogramação mental para mudar comportamentos, criar novos hábitos e crenças positivas para atingir objetivos e sermos mais felizes.

Quais os benefícios da reprogramação mental?

  • Ela usa sua própria mente para trocar padrões mentais inadequados por pensamentos que promovem atitudes mais positivas. Imagine poder descobrir por si própria pensamentos mais positivos sem depender de conselho alheio?
  • Você passa a ter maior controle sobre a sua mente e verá que suas emoções dependem da sua permissão e consentimento. Já ouviu falar de inteligência emocional? Como seria se sentir mais livre para conduzir sua vida de acordo com a sua intuição?
  • É possível modificar ou substituir comportamentos que não fazem bem e substituí-los por novas práticas. O que você acha de eliminar maus hábitos?
  • É possível condicionar a mente para alcançar praticamente qualquer resultado que desejar. Que tal ter mais disposição para estudar ou para se exercitar ou para cuidar mais de você?
  • Você pode abrir a mente, repensar vários fatos sob novas perspectivas. Como seria não ficar tão presa a preocupações desnecessárias que consomem sua energia vital?

Como se faz a reprogramação mental?

O processo é simples:  mergulhar em um processo de autoconhecimento, usar a sua mente para rever conceitos, crenças e se dedicar na construção de novos hábitos.

Para isso são usadas técnicas cognitivas, PNL, entre outras ferramentas psicoterápicas, além é claro, de muito comprometimento pessoal.

Por outro lado, o resultado é fantástico, transformador e libertador!  Em outras palavras, reprogramar a mente é embarcar em uma jornada valiosa!

Juntas definiremos quais técnicas e ferramentas você já pode começar a utilizar para reprogramar sua valiosa mente e realizar mudanças significativas em sua vida.

Vamos começar agora ?

Solicite aqui meu contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *